PARCEIRO ESTRATÉGICO
Barcelo Hotels & Resorts

Clipping do Setor

SPTuris faz pesquisa e traça perfil do público de shows

PUBLICIDADE
CONGRESSO COCAL 2015

[Por Mercado e Eventos, 18/11/2011]

A cidade de São Paulo está definitivamente na rota dos grandes nomes da música internacional. Em 2011, artistas e bandas de diversos gêneros musicais se apresentaram na metrópole. É justamente para medir a influência desses eventos na capital paulista e traçar o perfil desse público que o Observatório do Turismo – núcleo de estudos e tendências da São Paulo Turismo (SPTuris, empresa municipal de promoção turística e eventos) que já realiza levantamento nos grandes eventos da capital paulista – dá início a uma série de pesquisas neste segmento.

O primeiro levantamento foi feito com o público da apresentação do Red Hot Chili Peppers, que aconteceu na Arena Anhembi, no dia 21 de setembro. As próximas pesquisas serão realizadas nos shows da Britney Spears (18/11) e Ultra Music Festival (3/12), ambos no Anhembi.

“Sabemos que esses eventos geram receitas para a cidade, apesar de não termos, até então, os dados específicos do segmento. Assim, essa série de pesquisas vai nos permitir conhecer melhor o perfil desse público e saberemos armar novas estratégias para trabalhar esse nicho, um dos mais rentáveis para o turismo em São Paulo”, diz o presidente da SPTuris, Caio Luiz de Carvalho.

Na ocasião do show do Red Hot Chili Peppers (RHCP), foram aplicados 1549 questionários nas entradas do local. A pesquisa apurou que 64% do público era formado por residentes, 6% por visitantes de outras cidades do Estado de São Paulo e 30% por turistas vindos dos Estados do Paraná (4%), Minas Gerais (3%), Santa Catarina e Rio de Janeiro (2% cada).

Ainda de acordo com o levantamento, o perfil dominante do público era masculino, com faixa etária entre 18 a 24 anos, residente na cidade de São Paulo, estudante, com nível médio completo e renda mensal de 3 a 5 salários mínimos. A média de gastos no evento foi estimada em R$ 151, utilizados principalmente com alimentação, segundo 46% dos entrevistados, e bebidas, item apontado por 42% deles.

Dentre os turistas, a média de permanência foi de 2,3 pernoites. A maioria deles também aproveitou sua vinda a São Paulo, segundo a pesquisa, para visitar, principalmente, as atrações da Avenida Paulista e entorno e a rua 25 de Março. Em geral, os visitantes gastaram R$ 448. O valor inclui hospedagem, lazer, transporte, alimentação e compras e, no caso de 30% dos visitantes, engloba os custos com mais de uma pessoa.

Tags: , , , ,

Notícias Relacionadas

Comente no Facebook

comentários

Deixe um comentário em nosso site

Nota: Os comentários postados ficam aguardando moderação. Não é necessário reenviar seu comentário.