Clipping do Setor

FBHA realizou encontro de qualificação profissional em Fortaleza (CE)

[Por Revista Hotéis, 22/05/2014]

Terminou agora há pouco no Seara Praia Hotel, localizado na praia de Meireles, em Fortaleza, um encontro promovido pela FBHA – Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação  em parceria com o SindiHotéis Ceará – Sindicato Intermunicipal de Hotéis e Meios de Hospedagem no Estado do Ceará e o SindiRest Ceará – Sindicato dos Restaurantes, Bares, Barracas de Praia, Buffet e Similares do Estado do Ceará. O Encontro – Excelência na qualidade em serviços para os segmentos de hospedagem e gastronomia foi bastante prestigiado por cerca de 100 empresários, gestores, profissionais e estudantes de turismo, hotelaria, gastronomia e administração de empresas.

Representantes de várias autoridades do setor estiveram prestigiando, como: Alexandre Sampaio, Presidente da FBHA e seu Vice-presidente Manoel Cardoso Linhares que também é Presidente do SindiHotéis Ceará;  Antônio de Moraes Neto, Vice–presidente do SindiRest Ceará;  Enrico Fermi, Presidente da ABIH – Associação Brasileira da Indústria de Hotéis e seu presidente regional do Ceará, Adarlan Leite, assim como Régis Medeiros, Presidente do Fortaleza Convention Bureau.

Em seu discurso, Alexandre Sampaio destacou o imenso potencial que Fortaleza passou a ter e atrair novos turistas com a inauguração do Centro de Convenções. “Fiquei conhecendo hoje este espaço e maravilhado com a modernidade e a infraestrutura que possui, sendo um grande facilitador para atrair eventos e combater a sazonalidade hoteleira”, avaliou Sampaio.

Segundo ele, o objetivo deste Encontro é elevar a qualificação dos serviços em hotelaria e alimentação para os turistas, tendo em vista principalmente a proximidade com a Copa do Mundo. “Queremos potencializar a vocação turística do Nordeste através de uma proposta de permanente qualificação de mão de obra e profissionalização de serviços e produtos. É importante que Fortaleza, bem como toda a região, estejam capacitadas para receber grandes eventos, como a Copa do Mundo, assim como a necessidades de somarmos esforços  para que nossos setores sejam bem competitivos”, destacou Sampaio,

O evento contou com a palestra do Consultor Ricardo Bezamat sobre eficiência energética na hotelaria. Logo de início ele já foi destacando que todos os consumidores de energia são órfãos pelo fato de não poder escolher a concessionária que deseja para prestar os serviços, mas dependendo do tamanho e consumo do hotel, ele pode escolher de quem deseja adquirir este bem. “Energia é um dos maiores custos operacionais em um hotel, por isto é necessário que se utilize de forma consciente e medidas simples podem reduzir o consumo como: instalação de películas de proteção solar nas janelas, iluminação em leds, equipamentos de ar condicionado e frigobares com selo de conformidade e a utilização de painéis fotovoltaicos para aquecer água do chuveiro e das torneiras”, ressaltou Bezamat. Antes de finalizar sua palestra, ele apresentou número relevantes de gastos de energia do setor hoteleiro. “O consumo de energia elétrica do setor hoteleiro representa 16% da demanda no Brasil. Com a redução no custo em torno de 30% pode se fazer uma economia de 547.605 MWH e R$ 208 milhões por ano, ou seja, uma mini usina a ser construída anualmente”, concluiu Bezamat.

Logo após, a Consultora empresarial Surama Jurdi, apresentou alguns cases de sucesso de liderança empresarial como a Disney, Empório Armani, Harley Davidson, Whole Foods, Apple, entre outras e revelou uma pesquisa realizada com 390 empresas no Brasil. “O objetivo era identificar o que impede o desenvolvimento continuo das empresas e muitos problemas comuns foram identificados como: administração amadora, alto índice de turn-over, fobia de decidir, muita oferta e preço baixo, falta de mão de obra qualificada, falta de interesse e comprometimento, falta de espírito de trabalho em equipe, brigas e conflitos de egos e poder e a falta de treinamento continuada”, revelou Surama.

Na pesquisa que Surama realizou para entender o segredo que rege as mentes de sucesso do empresariado brasileiro, ela destacou a de Márcio Utsch. Ele era CEO de uma multinacional, mas ao perder o emprego, resolveu aceitar o desafio de ser gerente comercial da Alpagartas e entrou para a história da empresa ao repaginar as sandálias Havaianas que virou um sucesso de vendas mundial e ele se tornou Presidente da Alpagartas.  E focando ao segredo do sucesso de um hotel, Surama disse que o grande erro que um empresário do setor comete é a frustação de alcançar um objetivo e ele não ser sustentável. “Não adianta lotar seu hotel apenas um único mês, mas lotar sempre, pois este deveria ser o objetivo a ser alcançado. O sucesso é para qualquer um que sabe o que quer, abrace a causa e vá obstinado em busca do sucesso e que ele seja sustentável”, conclui Surama.

 

Tags: , , ,

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário em nosso site

Nota: Os comentários postados ficam aguardando moderação. Não é necessário reenviar seu comentário.